sábado, 8 de setembro de 2007

Nagô

P. C. Pinheiro
Nagô - Sérgio Santos e Paulo César Pinheiro

Terreiro,
Quando o nêgo toca o tambor,
Nêgo não quer dinheiro,
Quê que quer? Quer Agô.

Trabalho,
Quando o nêgo tem batedor,
Nêgo não quer só calo,
Quê que quer? Quer um jimbô.

Carrêgo,
Quando o nêgo se quebrantou,
Nêgo não quer ebó, não quer,
Quê que quer? Babalaô.

Kizomba,
Quando o nêgo já bambelô,
Nêgo não quer maromba,
Quê que quer? Quer N’gô

Capenga,
Quando o nêgo já marafou,
Nêgo não quer arenga,
Quê que quer? Quer quem zoiô.

Zoado,
Quando o nêgo a nêga argolou,
Nêgo não quer parar, não quer,
Quê que quer? Quer gongolô.

Ô Ialê,
Ê, Iaô,
Ô, nêgo quer,
Quê que quer?
Quer um muana,
Nêgo quer
Quer um cafunje,
Nêgo quer
Mais um Nagô
Postar um comentário