terça-feira, 6 de março de 2007

Destaques de Março/2007

Ary Toledo
29/03/07 - Ary Toledo - Ari Christoni de Toledo, cantor, compositor e teatrólogo, nasceu em Martinópolis SP em 22/8/1937. Interessou-se por música desde os 12 anos, quando ganhou urna gaita da mãe. Aprendeu violão com o professor Jamil Neder, em Ourinhos MG, e em 1962 compôs sua primeira música, Modinha de ser. Gravou, em 1965, em disco ...

Sílvio Brito
29/03/07 - Sílvio Brito - Sílvio Ferreira de Brito, cantor e compositor, nasceu em Alfenas MG em 10/2/1949. Começou sua carreira aos seis anos de idade cantando na rádio Clube de Varginha. Ainda na adolescência passou a compor músicas gravadas por cantores como Ronnie Von, Antonio Marcos e Vanusa. Integrou em meados da década de 1960 o grupo ...

Nana Caymmi
19/03/07 - Nana Caymmi - Dinair Tostes Caymmi, cantora, nasceu no Rio de Janeiro – RJ em 29/04/1941. Em 1960, registrou sua primeira atuação em estúdio, participando da faixa Acalanto (Dorival Caymmi), no LP de seu pai, que compôs a canção em sua homenagem, quando a cantora era ainda criança. Lançou, também, seu primeiro disco solo, um 78 ...

Luís Carlos Vinhas
19/03/07 - Luís Carlos Vinhas - Luís Carlos Parga Rodrigues Vinhas, pianista e compositor, nasceu no Rio de Janeiro - RJ em 19/5/1940. Iniciou-se no meio artístico em 1958, tocando em festas e em pequenos espetáculos. Na época começava a surgir a bossa nova, movimento em que se engajou rapidamente. Uma das primeiras gravações da bossa nova teve ...

João Roberto Kelly
14/03/07 - João Roberto Kelly - João Roberto Esteves Kelly, compositor, cantor e produtor, nasceu no Rio de Janeiro-RJ em 23/6/1937. Aos 11 anos, começou a tocar piano de ouvido, aprendendo com a mãe e a avó, ambas pianistas. Depois estudou com professora particular e começou a compor. Iniciou carreira em 1957, fazendo a partitura da  ...

Wilson Simonal
08/03/07 - Wilson Simonal - Wilson Simonal de Castro, cantor, nasceu em 26 de fevereiro de 1939 no Rio de Janeiro. Descobriu sua vocação artística enquanto prestava o serviço militar obrigatório. Como muito dos grandes artistas, começou a carreira nos palcos de bares e boates da noite carioca, cantando rock, predominantemente em inglês ...

Jaime Ovalle
07/03/07 - Jaime Ovalle -Jaime Rojas de Aragón y Ovalle, compositor e poeta, nasceu em Belém PA em 5/8/1894 e faleceu no Rio de Janeiro RJ em 9/9/1955. Influenciado pela irmã, que estudava piano e bandolim com Eduardo Pierantoni, dedicou-se a esses instrumentos e, sempre como autodidata, mais tarde aprendeu violino e violão...

Eduardo Dusek
05/03/07 - Eduardo Dusek - cantor e compositor, nasceu no Rio de Janeiro-RJ em 01/01/1958. Começou a carreira artística como pianista de peças de teatro aos quinze anos, quando estudava na Escola Nacional de Música. Mais tarde passou a compor suas próprias canções e montou uma banda, que acabou apadrinhada por Gilberto Gil...

Mario Duarte
03/03/07 - Marion Duarte - Nascida em 18 de março de 1938, no bairro carioca de Bento Ribeiro, Marion Pereira de Carvalho Gonçalves, ou simp@ Marion Duarte, se tornou popular nos idos de 1950, mais precisamente em junho de 1957, quando começou sua carreira pela Rádio Solimões de Nova Iguaçu, no programa Valores Novos ...

Oscar Castro-Neves
03/03/07 - Oscar Castro-Neves - arranjador, instrumentista e compositor, nasceu em 15/5/1940 no Rio de Janeiro RJ. Com seis anos de idade já tocava violão e cavaquinho. Em 1954 formou um conjunto com os irmãos Mano (piano) Leo (bateria) e Ico (contrabaixo), apresentando se na Rádio Difusora de Petrópolis RJ ...
Fevereiro / 2006

Marisa Gata Mansa
23/02/07 - Marisa Gata Mansa - Marisa Vertullo Brandão, cantora, nasceu em 27/04/1933 e faleceu no Rio de Janeiro RJ em 09/01/2003. Começou cantando jazz, como crooner de orquestra. Nos anos 50, graças à sua ligação com Dolores Duran e um namoro com João Gilberto, aproximou-se do movimento da bossa nova, gravando em seu primeiro 78 ...

Maria Toledo
23/02/07 - Maria Toledo - Maria Helena de Toledo, cantora e compositora, nasceu em Belo Horizonte - MG em 30/6/1937. Iniciou a carreira aos dez anos, cantando em dupla com a irmã, Rosana Toledo, no programa Gurilândia, de Rômulo Pais, na Rádio Guarani, de Belo Horizonte. Em 1951, a dupla desfez-se, quando se mudou para o Rio de Janeiro RJ,  ...

Quinteto Violado
23/02/07 - Quinteto Violado - Conjunto instrumental-vocal organizado em 1970, em Recife PE, que se caracteriza pela interpretação de músicas nordestinas e a realização de pesquisas sobre o folclore brasileiro. Inicialmente formado por Toinho (Antônio Alves, Garanhuns PE 1943), canto e baixo acústico; Marcelo (Marcelo de Vasconcelos Cavalcante ...

João Donato
23/02/07 - João Donato - Quando se fala em bossa nova, qual é o primeiro nome que lhe vem à cabeça? Depois de João Gilberto, Tom Jobim e Vinícius de Moraes, na certa a enorme maioria vai pensar em Carlos Lyra, Johnny Alf, Roberto Menescal, Ronaldo Bôscoli. Poucos se lembrarão de João Donato. No entanto, seja ele, talvez, o grande precursor ...

Irmãs Galvão
23/02/07 - Irmãs Galvão - Dupla sertaneja formada por Mary Zuil Galvão (Ourinhos SP 1940-) e Marilene Galvão (Palmital SP 1942-). Mary toca sanfona; Marilene, viola e violão. Incentivadas pelos pais, formaram a dupla em julho de 1947, em Sapesal SP. Apresentaram-se depois na Rádio Paraguaçu Paulista, em programa de auditório, já ...

Noite Ilustrada
21/02/07 - Noite Ilustrada - Mário Sousa Marques Filho, cantor, compositor e instrumentista, nasceu em Pirapetinga MG em 10/4/1928. Começou a carreira artística como violonista na revista musical Noite ilustrada, apresentada por Zé Trindade, que estreou em Além Paraíba MG. O apelido foi dado por Zé Trindade , nessa época. Radicado no  ....

Olhar brasileiro

Eduardo Dusek
Introdução: 
F6  F#º  Em  Am7 
Dm7/9  G6/7  G5+/7
G7  C  Am7  Dm7/9  G7
        Fm5-/7
E agora só
B7/9-                     Em
Sentado nessa sala que não é minha
Gm7  C7/9-              F7+
E que claro            por ironia
Am6   Em                Am6     Gm6  C7/9-
Me parece           tão familiar
         F6
Me vem você
F#º       Em
Me vem a sua cara
Am7                Dm7/9
Sua conversa apimentada e rara              
G7               C          Am7  Dm7/9  G7
E assim digamos tão particular
         F#m5-/7
Escuto o ritmo
B7/9-          Em
Daquele seu simples pandeiro
Gm7  C7/9-             F7+
E até sinto           aquele cheiro
Am6  Em              Am6   Gm6  C7/9-
De amor e de samba   espalhado no ar
         F6          F#º         Em
E, minha nossa, de repente eu me lembro
Am7                   Dm7/9
Era verão e a gente ficava bebendo
G7            C          C7
Ia vivendo à beira mar
                F7+
Todo o mundo sentado
Bb7/9    Em      Am7
Na varanda do nosso sobrado
Dm7/9                    G6/7        G5+/7
E sonhando, altas horas, acordado
G7       Gm6          C7/9-
Olhando fixo pro luar
      F7+
Era seresta,
Fm6         Bb7/9    Em           Am7
Era uma festa ver você e se apaixonar
Dm7/9  G6/7          G5+/7  G7
Era seu jeito,        seus defeitos
Gm6        C7/9-       
Sua maneira de se dar
        F6
Era tão quente
Fm6         Bb7/9          Em
Era pra gente tão maneiro que de repente
Am7
Você ganhava o mundo inteiro
Dm7/9  G6/7      G5+/7  G7      C  Am7  Dm7/9  G7
Simplesmente    com o menor        piscar
         F#m5-/7
E mesmo agora
B7/9-          Em
Sendo eu o único que resta
Gm7  C7/9-            F7+ 
Talvez           daquela festa
Am6  Em               Am6          Gm6  C7/9-
Talvez.          daquele mar
          F6
Eu dou um jeito
       F#º                         Em
Teto fugir, tento esconder mas me ajeito
Am7               Dm7/9          G6/7
Me acomodo pois me dói o peito
G5+/7  G7               Gm6          C7/9-
Somente por           tentar lembrar
        F7+                Bb7/9
Daquele cheiro, daquele pandeiro
Em       A#º
Daquele Rio de Janeiro
Dm7/9       G6/7     G5+/7
Daquele seu verde olhar brasileiro
G7      C             Am7  Dm7/9  G7  C
Que era meu

Nostradamus

Eduardo Dusek
    D
Naquela manhã
D/F#                    Em  
Eu acordei tarde, de bode
G
com tudo que sei
G/B
acendi uma vela
D
abri a janela, e pasmei
Bb
Alguns edificios explodiam
G
pessoas corriam
G#°
eu disse bom dia
A
ignoreeei
D
Telefonei
D/F#                   
Prum  que tenha a qualquer
Em     
e nao tinha
G              
Ninguem respondeu, eu
G/B
disse Deus, Nostradamus,
D
força do bem e da maldade
Bb            G       G#°
futuro, calamidade, juizo final
A
Entao restou
G    
De repente na minha frente
A esquadilha de aluminio
F#m                       Bm
caiu, junto com vidro fume
Em
o que fazer, tudo ruiu
Começou tudo a carcomer
Bb
gritei, ninguem ouviu,
D
e olha que eu ainda fiz psiu!
G
O dia ficou noite
O sol foi pro alem
               F#m
Eu preciso de alguém
Bm
vou até a cozinha
encontro Carlota, a cozinheira
Em
morta, diante do meu pé, Zé
G         G#°                 A A4
eu falei, eu gritei, eu imploreei
G
Levanta
Em              Bb
Me serve um café
A        D
Que o mundo acabou