sexta-feira, 9 de julho de 2010

Edmundo Souto

Edmundo Souto (Edmundo Rosa Souto), compositor, instrumentista, escritor e arquiteto, nasceu em 30/3/1942, em Belém, PA. Aos oito anos, transferiu-se de Belém para o Rio de Janeiro com seus pais, fixando residência nesta cidade desde então.

Em 1963, compôs a trilha sonora do curta-metragem Garoto de calçada, de Carlos Frederico Rodrigues. Nesse mesmo ano, teve suas primeiras composições, De brincadeira (c/ Danilo Caymmi) e Candomblé (c/ Paulo Antônio Magoulas), gravadas em LP pelo Conjunto Mário Castro Neves.

Entre 1964 e 1966, estudou violão com Oscar Castro-Neves.

Em 1967, formou-se em Arquitetura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), conciliando a atuação profissional nessa área com a carreira de compositor.

No ano seguinte, compôs, com Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós, a música Andança, que conta com mais de 150 gravações, no Brasil e no exterior.

Destacou-se como compositor da geração dos festivais, tendo conquistado as seguintes premiações:

1968: 2º lugar no I Festival Universitário de Música Popular (RS) com "Canto pra dizer-te adeus (c/ Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós), defendida por Iracema Werneck (1968);

1968: 3º lugar na fase nacional do III Festival Internacional da Canção (FIC) com Andança, defendida por Beth Carvalho e o grupo Golden Boys;

1969: 1º lugar na fase nacional e 1º lugar na fase internacional do IV Festival Internacional da Canção (FIC) com Cantiga por Luciana (c/ Paulinho Tapajós), defendida por Evinha;

1969: 6º lugar na II Olimpíada Musical da Canção em Atenas (Grécia) com Rumo Sul (c/ Paulinho Tapajós), defendida por Beth Carvalho;

1974: 4º lugar no Festival Universitário de Juiz de Fora com Pra ninguém chorar (c/ Paulo César Pinheiro), defendida por Beth Carvalho.

Em 1970, compôs para trilhas sonoras de novelas as canções Tema de Regina (c/ Paulinho Tapajós), para a novela A próxima atração (TV Globo), e Onde você mora (c/ Paulinho Tapajós), para a novela Verão vermelho (TV Globo).

Em 1984, escreveu, com Paulinho Tapajós, o livro infantil Verde que te quero ver (Editora Record), cujo texto foi adaptado, pelos autores, para um musical infantil de televisão (Rede Globo) e teatro. Compôs algumas músicas da trilha sonora do musical, posteriormente lançada em LP. Ainda nesse ano, a escola de samba Unidos do Cabuçu venceu o desfile com o samba-enredo "Beth Carvalho, a enamorada do samba", de sua autoria e dos parceiros Iba Nunes, Luís Carlos da Vila e Paulinho Tapajós.

Em 1989, escreveu o livro infantil, A pipa arco-íris, publicado pela Editora Record. Adaptou o texto para o teatro e compôs a trilha sonora do musical.

Em 1999, concluiu o MBA (Master Business Administration) em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Em 1999 e 2000, trabalhou na Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro.

Idealizou e produziu a Sinfonia Sacopenapã, composta de dezessete canções em homenagem à Lagoa, bairro do Rio de Janeiro, tendo parceiros como Sérgio Natureza e Paulinho Tapajós, entre outros. A Sinfonia Sacopenapã foi apresentada no Parque do Cantagalo, na Lagoa (RJ).

Obra

Andança (Edmundo Souto / Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós); Ao Chico com carinho (Edmundo Souto / Moacyr Luz e Paulinho Tapajós); Alpendre da Saudade (Edmundo Souto / João Pacífico); Água-pé (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Beth Carvalho, a enamorada do samba (Edmundo Souto / Iba Nunes, Luís Carlos da Vila e Paulinho Tapajós); Bloco Leblon (Edmundo Souto / Tavito); Boto desbotado (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Caminho de São Thiago (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Caminhos (Edmundo Souto / Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós); Candomblé (Danilo Caymmi e Paulo Antônio Magoulas); Cantiga por Luciana (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Canto de saudade (Edmundo Souto / Paulo Antônio Magoulas); Canto pra dizer-te adeus (Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós); Cavalheiro andante (Edmundo Souto / Arnoldo Medeiros); Cansaço (Edmundo Souto / Paulo César Pinheiro); Canção do arco-íris (Edmundo Souto / João Pacífico e Paulinho Tapajós); Conquista do cacique (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Contraste (Edmundo Souto / Arnoldo Medeiros); Canção do despertar (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Dança de brinquedos (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); De brincadeira (Edmundo Souto / Danilo Caymmi); De pé no chão (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Disfarce (Edmundo Souto / Noca da Portela); História de São João Batista (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Joatinga (Edmundo Souto / Beth Carvalho e Paulinho Tapajós); Mais que um sorriso (Edmundo Souto / Jorge Aragão) Onde você mora (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Palhaço real (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Pra ninguém chorar (Edmundo Souto / Paulo César Pinheiro); Rancho dos boêmios (Paulinho Soares e Nei Barbosa); Reencontro (Edmundo Souto / Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós); Regina (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Rumo sul (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Samba-enredo exaltação à mulher (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Sempre só (Edmundo Souto / Joaquim Vaz de Carvalho); Só quero ver (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Soda com cachaça (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Sou frevo (Edmundo Souto / Arnoldo Medeiros); Vaqueirada (Edmundo Souto / Bororó Felipe e Nei Lopes); Verde que te quero ver (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós); Verso e cantoria (Edmundo Souto / Bororó Felipe e Paulinho Tapajós); Vivências (Edmundo Souto / Chico Lessa e Paulinho Tapajós); Xote dos pássaros (Edmundo Souto / Paulinho Tapajós).

Fonte: Dicionário Cravo Albin da MPB; Wikipédia.
Postar um comentário