domingo, 23 de abril de 2006

Uma andorinha não faz verão

Esta andorinha teve dois verões. O primeiro em 1931, com letra e música de João de Barro, gravada por Alvinho, e o segundo em 1934, quando Lamartine Babo entrou na parceria e a marchinha tornou-se sucesso na voz de Mário Reis.

A reunião dos dois maiores autores de marchas carnavalescas deu-se por iniciativa de Lamartine que, admirador do refrão ("Vem moreninha / vem tentação / não andes assim tão sozinha / que uma andorinha / não faz verão"), propôs a Braguinha fazer uma nova segunda parte.

Proposta aceita, ele prontamente cumpriu a tarefa, apresentando música e letra que complementavam com perfeição o estribilho. Na verdade, as românticas estrofes originais eram boas, mas muito extensas. Lamartine preferiu compor versos mais carnavalescos, sobre uma melodia de oito compassos (o original tinha dezesseis), o que sem dúvida contribuiu para o sucesso.

Uma andorinha não faz verão (marcha/carnaval, 1934) - João de Barro e Lamartine Babo

Disco 78 rpm / Título da música: Uma andorinha não faz verão / Autoria: João de Barro, 1907-2006 (Compositor) / Babo, Lamartine, 1904-1963 (Compositor) / Reis, Mário (Intérprete) / Diabos do Céu (Acompanhante) / Imprenta [S.l.]: Victor, 1933 / Nº Álbum 33742 / Gênero musical: Marcha /
(Am)

 Dm     Am               E7       A7
Vem moreninha      /    vem tentação
    Dm                Am
Não andes assim tão sozinha
             B7        E7   Am
Que uma andorinha não faz verão
                      Dm           E7
Dizem morena   /     Que teu olhar
                  Am
Tem correntes de luz que faz secar
  (Am)                            Dm
O povo anda dizendo  /  Que essa luz do teu olhar
   E7
A Light vai mandar cortar

Nenhum comentário: