sexta-feira, 18 de agosto de 2006

A flor e a vida

Joubert - 1930
Em 1970, Joubert de Carvalho participou do V Festival Internacional da Canção da TV Globo, com a valsa "A flor e a vida", composta em parceria com Ieda Fonseca, não conseguindo classificação. Pouco depois, venceu, com a mesma composição, interpretada por Antonio João, o Festival Brasileiro de Seresta.

A flor e a vida (valsa, 1970) - Joubert de Carvalho e Ieda Fonseca

Eu jamais pensei em te deixar.
Sucedesse não te ver, um dia,
Pudesse tal coisa acontecer,
De mim o que seria?


Talvez aquela flor que não enfeita mais,
A que deixara a graça no abandono,
E, sem dono, fôra o seu destino,
Jogada fora ou esquecida.


E assim tem sido a vida, vou sofrendo.
E a flor de outrora perfumada, vai morrendo.
E vendo pétalas no chão da flor caída,
Tive inveja então...
Quisera ser a terra
Que em seu seio encerra
A flor e a vida.

Nenhum comentário: