segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Meu anjo da guarda

Cleide Alves

Meu Anjo da Guarda (1962) - Rossini Pinto e Fernando Costa

O meu anjo da guarda,
Eu quero saber,
Porque ele partiu,
Anjo me diz porque?
Porque sem ele anjo,
Eu não quero mais viver.

Anjo meu amigo,
Tente compreender.
Se ele for embora,
Posso até morrer.
Porque sem ele anjo,
Sou capaz de enlouquecer.

Anjo você sabe,
Que eu não vivo
Sem o meu benzinho,
Vá dizer a ele
Que eu sinto falta
Do seu carinho.

Anjo meu amigo,
Tente compreender.
Se ele for embora,
Posso até morrer.
Porque sem ele anjo,
Sou capaz de enlouquecer.

Porque sem ele anjo,
Eu não quero mais viver.
Porque sem ele anjo,
Sou capaz de elouquecer.
Postar um comentário