terça-feira, 5 de outubro de 2010

Borbulhas de amor

Borbulhas De Amor (Burbujas De Amor)
De: J. Luis Guerra / Ritmo: bolero
Intérprete: Trio Yrakitan / Tom: Do maior

C               
Tenho um coração
                   G/B
Dividido entre a esperança e a razão
Dm                      F       Dm          G/B Dm G
Tenho um coração / Bem melhor que não tivera
 C                                G/B
Esse coração / Não consegue se conter ao ouvir tua voz
Dm               F        Dm         G/B  Dm
Pobre coração / Sempre escravo da ternura

      G            C
Quem dera ser um peixe
G/B
Para em teu límpido aquário mergulhar
 Dm      F
Fazer borbulhas de amor pra te encantar
 Dm               G/B     Dm         G
Passar a noite em claro / Dentro de ti
 C                                      G/B
Um peixe / Para enfeitar de corais tua cintura
 Dm     F
Fazer silhuetas de amor à luz da lua
Dm            G/B     Dm         G  C
Saciar esta loucura / Dentro de ti

  Solo  C G/B Dm Am Bb F G7

  C                                G/B
Canta coração / Que esta alma necessita de ilusão
 Dm             F        Dm            G/B   Dm G
Sonha coração / Não te enchas de amargura
 C                               G/B
Esse coração/ Não consegue se conter ao ouvir tua voz
 Dm              F       Dm           G/B  Dm
Pobre coração / Sempre escravo da ternura

     G             C
Quem dera ser um peixe
G/B
Para em teu límpido aquário mergulhar
 Dm     F
Fazer borbulhas de amor pra te encantar
 Dm               G/B     Dm         G
Passar a noite em claro / Dentro de ti

    C                                  G/B
Um peixe / Pra enfeitar de corais tua cintura
 Dm     F
Fazer silhuetas de amor à luz da lua
 Dm           G/B      Dm       G
Saciar esta loucura / Dentro de ti

Ab    Bb7         Gm            Cm  Gm
Uma noite / Para unirmos até o fim
Ab     Bb7            Gm          Cm Gm
Cara a cara / beijo a beijo / E viver
Ab     Bb7            C  G/B  Dm  F  G/B  Dm
Para sempre dentro de ti


Música enviada pelo Sr. Venilton Cezar de Magalhães em 04/10/2010 mailto:venilton.magalhaes@gmail.com.

Nenhum comentário: