quarta-feira, 19 de abril de 2006

Alguém me Disse

Anísio Silva - 1960
Em contrapartida à bossa nova de João Gilberto, fez grande sucesso o intimismo melancólico do também baiano Anísio Silva. Com seu timbre anasalado, ele seria figura assídua nas paradas de sucesso, entre 1958 e 63, sempre interpretando músicas românticas como “Alguém Me Disse”: “Alguém me disse que tu andas novamente / de novo amor, nova paixão, toda contente...”.

O curioso é que Anísio, até então um modesto balconista de farmácia, conheceu o sucesso aos 37 anos, depois de inúmeras tentativas frustradas de seguir uma carreira artística. O êxito de “Alguém Me Disse” influiu decisivamente no trabalho de seus autores, Evaldo Gouveia e Jair Amorim, que faziam sambas-canção e passaram a compor quase exclusivamente boleros (A Canção no Tempo - Jairo Severiano e Zuza Homem de Mello - Vol. 2 - Ed. 34).



Alguém me disse (bolero, 1960) - Jair Amorim e Evaldo Gouveia - Intérprete: Anísio Silva

Bm 
 Alguém me disse 
        Em         Bm    F#7 
 Que tu andas novamente 
           Bm           Em 
 De novo amor, nova paixão 
          Bm   B7 
 Toda contente 
          Em          A7 
 Conheço bem tuas promessas 
          D           Bm 
 Outras ouvi iguais a essas 
             G           G6 
 E esse teu jeito de enganar 
     F#7 
 Conheço bem 
             Bm 
 Pouco me importa 
         Em           Bm   G  F#7 
 Que te vejam tantas vezes 
           Bm          Em 
 E que tu mudes de paixão 
           Bm   B7 
 Todos os meses 
             Em              F#/Bb 
 Se vais beijar, como eu bem sei 
           D               Bm 
 Fazer sonhar, como eu sonhei 
              G 
 Mas sem ter nunca 
         F#7 G F#7             Bm 
 Amor igual     ao que eu te dei.




Um comentário: