segunda-feira, 8 de maio de 2006

Calúnia

Dalva de Oliveira
Calúnia (samba, 1951) - Marino Pinto e Paulo Soledade

Disco 78 rpm / Título: Calúnia / Autoria: Pinto, Marino (Compositor) / Soledade, Paulo, 1919- (Compositor) / Dalva de Oliveira (Intérprete) / Orquestra (Acompanhante) / Borba, Osvaldo (Acompanhante) / Imprenta [S.l.]: Odeon, 07/03/1951 / Nº Álbum 13111 / Lado B / Lançamento: Abril/1951 / Gênero musical: Samba


Quiseste ofuscar minha fama
E até jogar-me na lama
Só porque eu vivo a brilhar
Sim, mostraste ser invejoso
Viraste até mentiroso
Só para caluniar

Deixa a calúnia de lado
Se de fato és poeta
Deixa a calúnia de lado
Que ela a mim não afeta
Tu me ofendes, tu serás o ofendido
Pois quem com o ferro fere
Com ferro será ferido
Postar um comentário