sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

Eu sou do amor

Marcha carnavalesca de Ary Barroso que concorreu ao concurso da revista O Cruzeiro, com o nome da noiva - Yvonne Arantes, sob o pseudônimo "Boy", obtendo o 2º lugar. Gravada na Columbia pelo cantor Januário de Oliveira, acompanhado pelo Jazz Band Columbia (Gaó, Jonas, Petit, Zezinho, Sutte, Grany e Jararaca) e lançado em março de 1930.

Eu sou do amor (marcha / carnaval, 1930) - Ary Barroso

Disco 78 rpm / Título da música: Eu sou do amor / Autoria: Barroso, Ary (Compositor) / Oliveira, Januário de (Intérprete) / Jazz Band Columbia (Acompanhante) / Imprenta [S.l.]: Columbia, 1930 / Nº Álbum 5188 / Gênero musical: Marcha


Meu amor eu vou me embora,
Agora, agora
Não, não quero ouvir mais queixa
Me deixa, me deixa

Eu sou do amor,
Não posso perder ó flor
Eu sou do amor,
Não posso perder ó flor

Vai contar o seu segredo,
Sem medo, sem medo
Não me passo pra feitiço,
Que é isso, que é isso

Eu sou do amor,
Não posso perder ó flor
Eu sou do amor,
Não posso perder ó flor
Postar um comentário