domingo, 5 de novembro de 2006

Uma lágrima

Odair José
Introdução: E  G#m  F#m  B7  E  G#m  F#m  B7 
      E      G#m  F#m
Uma lágrima
B7      E  G#m  F#m
Eu deveria ser
B7          E
Somente pra dizer
G#m  F#m        B7                E  G#m  F#m  B7
Nasci      de um amor que em mim nasceu
E      G#m  F#m
Uma lágrima
B7        E    G#m  F#m
Caída pelo rosto
B7          E
Sentida de bom gosto
G#m  F#m        B7         E   E7
E beijar      quem a mim a vida deu
A         B7          G#m          C#m
Se eu fosse uma lágrima, eu não lhe deixaria
A          B7      G#m     C#m
Ficaria em seus olhos, como poesia
A            B7      G#m         C#m
E todo amor do mundo seria pra nós dois
F#m         B7          E   G#m  F#m  B7
Palavras de carinho pra depois
E      G#m  F#m
Uma lágrima
B7      E  G#m  F#m
Eu deveria ser
B7          E
Somente pra dizer
G#m  F#m        B7                E
Nasci      de um amor que em mim nasceu
G#m F#m      B7         E
Ah! Ah! Uma lágrima nasceu
G#m F#m      B7         E
Ah! Ah! Uma lágrima nasceu.
Postar um comentário