domingo, 26 de março de 2006

Meus ciúmes

Sinhô
Meus ciúmes - (samba, 1931) - Sinhô - Intérprete: Iolanda Osório - Álbum: Alivia Estes Olhos, Volume 2 - Gênero: Samba - Ano: 1999


Dia a dia vai crescendo / O amor que em ti consagrei
Os ciúmes vão nascendo / E com jura que te jurei
No altar da Santa Cruz / Tu rezaste, eu implorei


Bem juntinho de Jesus / Nem te lembras que até chorei
Eis a razão que eu peço / Pra não fugir ao juramento
Que fizeste ao Senhor / Pois não terás perdão


Já se fizeres morrerás na solidão
Pois que a dor do amor conhece a ingratidão
Que pode muito bem ferir o coração
Daí vem o sofrer e a triste confusão
Para vingar, morrer
Postar um comentário