quinta-feira, 6 de abril de 2006

Max Bulhões

Max Bulhões (Maximiliano Carvalho de Bulhões), compositor, nasceu no Rio de Janeiro RJ, em 29/12/1903, e faleceu em 30/11/1977. Filho do compositor J. Bulhões, estreou em 1935 com o samba Promessa, escrito para a festa da Penha em parceria com Jaime Vogeler, que o gravou na etiqueta Odeon.

Tornou-se conhecido em 1937 por duas composições, em parceria com Milton de Oliveira, gravadas nesse ano por Patrício Teixeira: Sabiá laranjeira e Não tenho lágrimas, que obteve grande sucesso no Carnaval de 1938 e foi regravada mais tarde por vários cantores, entre eles o norte-americano Nat King Cole.

Passou a compor para os cantores em evidência na época, como Francisco Alves e J. B. de Carvalho. Membro fundador da ABCA, UBC e SBACEM, abandonou a música para retomar seu emprego na Administração do Porto do Rio de Janeiro, onde se aposentou em 1974.

Nenhum comentário: