terça-feira, 4 de setembro de 2007

Fafá de Belém


Fafá de Belém (Maria de Fátima Palha de Figueiredo), cantora, nasceu em Belém do Pará em 10/8/1956. Desde os nove anos gostava de cantar. Morou no Rio de Janeiro de 1970 a 1973, quando voltou a Belém, onde conheceu Roberto Santana, então empresário do conjunto Quinteto Violado, que a incentivou a se apresentar em público.

Ainda em 1973, fez sua estréia, cantando num show no Iate Clube de Belém. No ano seguinte, de volta ao Rio de Janeiro, participou de um espetáculo com Zé Rodrix, na boate Pujol e, depois, no Teatro da Lagoa e no Teatro Casa Grande. No final do ano, apresentou-se de novo em Belém, com Sérgio Ricardo, espetáculo que foi repetido, em janeiro de 1975, no Teatro Vila Velha, de Salvador BA.

Atingiu as paradas de sucesso, nesse mesmo ano, com sua interpretação de Filho da Bahia (Walter Queirós), especialmente gravado para a trilha sonora da novela Gabriela, da TV Globo. Ainda em 1975, saiu seu primeiro compacto pela Polydor (Phonogram), com as músicas Naturalmente (João Donato e Caetano Veloso) e Emoriô (Gilberto Gil e João Donato).

Em 1976 lançou pela Polygram seu primeiro LP Tamba Tajá, com o sucesso Este rio é minha rua. No ano seguinte, lançou também pela Polygram o álbum Águia. Gravou os mais diversos gêneros musicais, do rock ao bolero, do forró à guarânia.

Na década de 1980, destacou-se como uma das principais cantoras românticas brasileiras, com sucessos como Bilhete (Ivan Lins e Vítor Martins) e Memórias, do compositor pernambucano Leonardo, responsável pela venda de meio milhão de cópias do álbum Atrevida, pela Polygram.

Em 1984, época do Movimento Diretas Já, consagrou- se ao interpretar Menestrel das Alagoas (Milton Nascimento e Fernando Brant) em homenagem ao então senador Teotônio Vilela, para mais de um milhão de pessoas no comício da Candelária, no Rio de Janeiro.

Em 1993 gravou o CD Meu fado, premiado em Portugal com disco de platina logo na segunda semana após seu lançamento. Em 1994 assinou contrato com a Sony e lançou Cantiga pra ninar meu namorado, seu 16º disco. No ano seguinte, lançou o CD Fafá ao vivo (Sony), comemorando 20 anos de carreira.

No final de 1996, saiu o CD Pássaro sonhador (Sony), que marca um retorno às suas origens nortistas, com toadas e carimbós da região amazônica. Nos primeiros 21 anos de carreira, lançou 18 álbuns.

Algumas músicas cifradas


Fonte: Enciclopédia da Música Brasileira - Art Editora e PubliFolha.
Postar um comentário