terça-feira, 20 de junho de 2006

Luzes da ribalta

Luzes da Ribalta - Charles Chaplin - Interpretação de Maria Bethânia
   C                      Dm
Vidas que se acabam a sorrir
 G                         C
Luzes que se apagam, nada mais
                
É sonhar em vão 
   Am                  Dm   G
 tentar aos outros iludir
             F       G
Se o que se foi pra nós
              C   G
Não voltará jamais
 C                      Dm
Para que chorar o que passou
  G                 C
Lamentar perdidas ilusões
                C7             F
Se o ideal que sempre nos acalentou
   Dm          G        C
Renascerá em outros corações
Postar um comentário