terça-feira, 20 de junho de 2006

Sem açúcar

Sem açúcar (1975) - Chico Buarque - Interpretação: Maria Bethânia
Tom: Am
Intro: C Am F G 
Am                Bb/A
Todo dia ele faz diferente, 
             B/A      E7/G#
 não sei se ele volta da rua
     G6       F#7        F#/E
Não sei se me traz um presente, 
             G#m5-/7     C#7  F#m
  não sei se ele fica na sua
F#m/E     D7+       C#m7                F#7     Bm5-/7
Talvez ele chegue sentido, quem sabe me cobre de beijos
                G7        A
Ou nem me desmancha o vestido, 
                   F/A          Am   Am/G F7+ E7
      ou nem me adivinha os desejos
Am                Bb/A              B/A      E7/G#
Dia ímpar tem chocolate, dia par eu vivo de brisa
     G6   F#7    F#/E      G#m5-/7     C#7  F#m
Dia útil ele me bate, dia santo ele me alisa
F#m/E          D7+     C#m7              F#7     Bm5-/7
Longe dele eu tremo de amor, na presença dele me calo
           G7      A                F/A        Am   Am/G F7+ E7
Eu de dia sou sua flor, eu de noite sou seu cavalo
Am                Bb/A              B/A           E7/G#
A cerveja dele é sagrada, a vontade dele é a mais justa
   G6     F#7    F#/E B/D#   G#m5-/7     C#7  F#m
A minha paixão é piada, sua risada me assusta
   F#m/E   D7+  C#m7                F#7     Bm5-/7
Sua boca é um cadeado e meu corpo é uma fogueira
                G7   A            F/A           Am   Am/G F7+ E7
Enquanto ele dorme pesado eu rolo sozinha na esteira
            F/A         Am   Am/G F7+ E7
E nem me adivinha os desejos
            F/A       Am   Am/G F7+ E7
Eu de noite sou seu cavalo
          F/A         Am   Am/G F7+ E7
Eu rolo sozinha na esteira

Postar um comentário