segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Auto-retrato

Auto-retrato - Juca Chaves


Simpático, romantico, solteiro,
autodidata, poeta, socialista,
da classe 38 reservista
de outubro 22 Rio de Janeiro.

Com a bossa de qualquer bom brasileiro,
possuo um sangue quente de um artista,
sou milionário,
incenso de humorista,
mas juro que estou duro e sem dinheiro.

Aqui julgo um poeta e referente,
mentira é reaçao da burguesia que não vive
e vegeta falsamente,
dando de doente, hipocrisia,
mas o meu mundo é belo e diferente,
vivo do amor ou vivo de poesia
e assim eu viverei eternamente
senão morrer por outra Ana maria.
Postar um comentário