sábado, 22 de julho de 2006

Conselho de mulher

Conselho de mulher - Adoniran Barbosa e Osvaldo Molles - Interpretações: Adoniran Barbosa - Demônios da Garoa



Falado:
( C G7 F Dm F G C)
"Quando deus fez o homem,
Quis fazer um vagulino
que nunca tinha fome
E que tinha no destino,
Nunca pegar no batente
e viver forgadamente.
O homem era feliz
enquanto Deus assim quis.
Mas depois pegou Adão,
tirou uma costela e fez a mulher.
Deis di intão, o homem trabalha prela.
Mai daí, o homem reza todo dia uma oração.
Se quiser tirar de mim arguma coisa de bão,
Que me tire o trabaio. A muié não!".

____________________________________________________
C
Pogressio, pogressio.
G7              F                 Dm
Eu sempre iscuitei falar, que o pogressio vem do trabaio.
F          G                   C
Então amanhã cedo, nóis vai trabalhar.
___________________________________________________(2X)

Dm           G7          C
Quanto tempo nóis perdeu na boemia.
Am            Dm               G7          C
Sambando noite e dia, cortando uma rama sem parar.
F                                   Dm
Agora iscuitando o conselho das mulheres.
G7                C
Amanhã vou trabalhar, se deus quiser, mas deus não quer!

Nenhum comentário: