terça-feira, 25 de julho de 2006

Iolanda

Iolanda - Pablo Milanes e Chico Buarque
Intr.: ( G )  C/E  D/F#

G                                        C/G
Esta canção não é mais que mais que uma canção
D/F#                          G          C     D
Quem dera fosse uma declaração de amor
G                      C
Romântica, sem procurar a justa forma
D                                         G
Do que me vem de forma assim tão caudalosa
G       C        D                 G     C/G
Te amo,  te amo,  eternamente, te amo

G                      C/G             D/F#
Se me faltares nem por isso eu morro,
G    C/G    D
se é prá morrer quero morrer contigo
G                         C        
Minha solidão se sente acompanhada,
D                             G
por isso às vezes sei que necessito
Teu colo, teu colo, eternamente, teu colo

G                          C/G   
Quando te vi eu bem que estava certo
D/F#                     G     C/G     D
de que me sentiria descoberto
G                   C            
A minha pele vai despindo aos poucos,
D                               G
me abres o peito quando me acumulas
De amores, de amores, eternamente, de amores

G                           C/G
Se alguma vez me sinto derrotado
D/F#                         G    C/G    D
eu abro mão do sol de cada dia
G                        C        
Rezando o credo que tu me ensinaste,
D                            G
olho teu rosto e digo à ventania
G      C       D                 G
Iolanda, Iolanda, eternamente, Iolanda
C/G       D       G
Eternamente, Iolanda
Postar um comentário