terça-feira, 18 de julho de 2006

Motivo

Fagner
Tom: E
Intro: E  E7  A  F#m  F#m7  B7
G#  C#m  (Am  E)  Am
    E     E7                   A
Eu canto,  porque o instante existe
F#m       F#m7           B7
E a minha vida está completa
     G#/C               C#m  Am      E
Não sou alegre nem sou triste, sou poeta
     Am                   E    Am     E
Não sou alegre nem sou triste, sou poeta
   Bm7     E7        A
Irmão das coisas fugidias
     G#                 C#m
Não sinto gozo nem tormento
     Am              E   F#  B7
Atravesso noites e dias no vento
          G#/C         C#m
Se desmorono ou se edifico
          F#             B7
Se permaneço ou me desfaço
G#/C      C#m   F#  B7
Não sei se fico  ou  passo
             G#/C               C#m
Eu sei que eu canto e a canção é tudo
              F#             B7
Tem sangue eterno a asa ritmada
      G#                     A   Am     E
E um dia eu sei que estarei mudo, mais nada
Am                E   Am      E
Amanhã estarei mudo, mais nada
Postar um comentário