segunda-feira, 9 de julho de 2007

Da semente à raiz

Luiz Vicentini
              C
Eu agora vou cantar em verso e prosa,
G
As coisas boas que a natureza nos diz;

O bem que nos faz as folhas, frutos e rosas,
C
As ervas que vêm e vão da semente à raiz.
Essa história começa há muito, muito tempo atrás,
G
Quando a água e o solo somente supriam o homem.

Quando ainda nem havia farmácia com PH,
C
E nem, sequer, se ouvia notícia de gente morrendo de fome.
                                 D
No tempo que os índios curavam usando poções e mistérios,
F                                  G
E toda a tribo falava com Deus, fazendo sinais de fumaça.
C                               D
Momento que a história preserva e conta através dos milênios,
F                          G
Em cada grão, cada semente, todo o segredo que a vida guarda.
 C                    D
Hoje a ciência já está bem mais consciente de que há
F                           G
Razão pra medicina popular, andar lado a lado, sempre mais;
C                                D
Com a tecnologia há de criar uma parceria pra se encontrar
F                            G
Em cada povo, em cada praça, em cada rosto, em cada raça,
F                     
E cultivar toda a cultura,
G                  C
a pura essência das ervas medicinais.
F                    
E cultivar toda a cultura,
G                       C
a pura essência que há nas ervas medicinais.

Postar um comentário