quarta-feira, 31 de maio de 2006

Tá na hora


Tá na Hora (1978) - Raul Seixas e Paulo Coelho - Intérprete: Raul Seixas

LP Mata Virgem / Título da música: Tá na Hora / Raul Seixas (Compositor) / Paulo Coelho (Compositor) / Raul Seixas (Intérprete) / Gravadora: WEA / Ano: 1978 / Nº Álbum: BR 36.090 / Lado A / Faixa 3.


Intr.:A D

 D
Andei durante dez anos
         Em
Fazendo planos para falar
     A
Com seres vindo do espaço
          D
Com a resposta para me dar
                     D7
Porém quando estava pronto
           G
para o contato, minha
    Gm      D              A
Pequena me disse: você vai ver
           D
tudo no cinema
                    A
E aonde que está a vida
                         D
E onde que está a experiência
                      A
Já te entregam tudo pronto sempre em nome
Da ciência sempre em troca da
   D
vivência
                   A
E aonde que tá a vida, vida
                  D
E a minha independência
Depois de muita espera
          Em
Quem eu queria quis me encontrar
  A
um banho decente
              D
Escovei meus dentes pra lhe beijar
                   D7
Guardei lugar no motel
            G
Pra lua de mel
                   Gm
Que eu sempre esperei
   D          A              D
Porém na hora H eu não levantei
                  A
Tá na hora do trabalho
                      D
Tá na hora de ir pra casa
                 A
Tá na hora da esposa e enquanto eu vou pra frente
                     D
Toda a minha vida atrasa
                   A
Eu tenho muita paciência
                    D
Mas a minha independência?
Aonde é que tá?
Durante a vida inteira
          Em
Eu trabalhei pra me aposentar
    A
Paguei seguro de vida
         D
Para morrer sem me aporrinhar
                   D7
Depois de tanto esforço
             G             Gm
O patrão me deu caneta de ouro
    D             A                D
Dizendo enfia no bolso e vai se virar
                  A
Tá na hora da velhice
                    D
Tá na hora de ir deitar
                 A
Tá na hora da cadeira de balanço, do pijama
                  D
Do remédio pra 
                A
Oh Divina Providência
                  D
E a minha independência?
          E7               A
Ah! E minha vida, e minha vida
            G     G# A E7/4 D
Onde é que está?
G    D
Onde é
Postar um comentário