sábado, 29 de julho de 2006

Não enche

Caetano Veloso
Cm       F 
Me larga, não enche
Bb
Você não entende nada
e eu não vou te fazer entender
Cm        F
Me encara, de frente
Bb
É que você nunca quis ver não vai querer entender
Fm       Bb
Meu lado, meu jeito,
Eb
O que eu herdei da minha gente e nunca posso perder
Gm
Me larga, não enche
    Cm              F                Cm             F
Me deixa viver, me deixa viver, me deixa viver, me deixa viver

Cm      F
Cuidado, oxente !
Bb
Está no meu querer poder fazer VOCÊ DESABAR
Do salto, nem tente
Bb
Manter as coisas como estão porque não dá, não vai dar
Fm       Bb
Quadrada, demente
Eb
A melodia do meu samba põe voce no lugar
Gm
Me larga, não enche
    Cm               F                Cm               F
Me deixa cantar, me deixa cantar, me deixa cantar, me deixa cantar
     Eb
Eu vou 
       Cm  F
Clarificar 
        Eb
A minha voz
          Cm           F
Gritando: nada mais de nós!
Eb              Cm    F                
Mando meu bando anunciar
Eb       Cm       F
Vou me livrar de voce
Cm     F
Harpia, aranha
Bb
Sabedoria de rapina e de enredar, de enredar
Cm     F
Perua, piranha, 
Bb
Minha energia é que mantém você suspensa no ar
Fm      Bb
Pra rua! se manda,
Eb
Sai do meu sangue sanguessuga, que só sabe sugar
Gm
Pirata, malandra
    Cm              F               Cm              F
Me deixa gozar, me deixa gozar, me deixa gozar, me deixa gozar
Cm     F
Vagaba, vampira,
Bb
O velho esquema desmorona desta vez pra valer
Cm     F
Tarada, mesquinha, 
Bb
pensa que é a dona e eu lhe pergunto:quem lhe deu tanto axé?
Fm    Bb
À-toa, vadia,
Eb
Começa uma outra história aqui na luz deste dia d
Gm
Na boa, na minha,
    Cm
Eu vou vivez dez,
    F 
Eu vou viver cem,
    Cm
Eu vou vou viver mil,
    F             Bb
Eu vou viver sem você.
Postar um comentário