sexta-feira, 28 de julho de 2006

E fiz por você o que pude

E fiz por você o que pude - Cartola

Todo o tempo que eu viver
Só me fascina você,
Mangueira
Guerreei na juventude
Fiz por você o que pude,

Mangueira
Continuam nossas lutas,
Podam-se os galhos, colhem-se as frutas
E, outra vez se semeia
E no fim desse labor
Surge outro compositor
Com o mesmo sangue na veia

Nenhum comentário: