quarta-feira, 14 de junho de 2006

River Phoenix (Carta a Um Jovem Ator)

River Phoenix (Carta a Um Jovem Ator) (1988) - Milton Nascimento - Intérprete: Milton Nascimento

LP Miltons / Título da música: River Phoenix (Carta a Um Jovem Ator) / Milton Nascimento (Compositor) / Milton Nascimento (Intérprete) / Gravadora: CBS / Ano: 1988 / Nº Álbum: 231163 / Lado A / Faixa 1.


Introd.: D

D                          G/B 
 Se um dia a gente se encontrar
           A4/7 A7 
E eu confessar
                 G/B
Que vi um filme tantas vezes
D/A          A           D
 Para desvendar os olhos teus
                  G/B
E se a gente se falar
                       Em7
Contar as coisas que viveu
                      A/C#
O que esperamos do amanhã
         A4/7         D
Será que pode acontecer?
                      C
Pois, paralelo ao personagem,
Am7                   D9 
  Eu quis saber mesmo é de ti

                     G/B
Queria que fosses feliz
                      Em7
Uma água calma a inundar
                  A/C#
A sua margem de carinho
G/D         A7               D
  Um peito aberto a quem chegar 

                     A4/7
Como o teu nome, diferente
A7                   F#m7
  Uma paisagem nos induz
Bm7                  D/E
  Uma paisagem de inocência
E7                            D/A A
  Mas que se sabe e que se conduz
D                    G/B
 Conduz agora este momento
                         Em7   
O pensamento e os olhos meus
                       A/C#
Brilhando de emoção e grato
A                        D
  Alguém que só te conheceu
                          G/B
Num filme que viu tantas vezes
A4/7       A7          Bm7
  Que este poema aconteceu 

Versão original em inglês:

Letter to a Young Actor

"If someday we meet each other and I confess /
I saw a movie many  times to unmask your eyes
And if we talk tell the things that lived what
we expect of tomorrow / Can it happen?
Therefore, parallel  the character,
i really wanted to know about you
I'd like you were happy a calm water to flood
your bank of concern an open chest to arrive
With your name, different  / A scenery persuade us /
A scenery of innocence
But that know and conduct / Conduct now this moment /
The thought and my eyes
shining of emotion and grateful /
someone who only knew you /
in a movie that he saw many times
that wrote this poem "

Nenhum comentário:

Postar um comentário